Promoção!

DE QUE FALAMOS QUANDO FALAMOS DE AMOR

14.00  12.60 


Carlos Santos
9789896415174
04/15
152
15,3 x 23,3 cms
Capa Mole
282 gr

Estes contos retratam a vida de homens e mulheres do Noroeste dos EUA — pessoas solitárias que gostam de beber, pescar e jogar às cartas para passar o tempo.
Raymond Carver, com a sua escrita sucinta e coloquial, aliada a uma percepção perspicaz do modo como as pessoas comunicam, fez com que esta colecção de contos se tornasse uma das mais influentes da moderna literatura.

«O mestre que deu forma ao moderno conto americano.»
[Daily Telegraph]

«A América de Raymond Carver é-nos pintada como um local de dor e sonhos quebrados. Mas não é tão frágil como aparenta. É um lugar de sobreviventes e de histórias… Carver fez o que a maioria dos escritores mais talentosos não conseguiu: criou o seu próprio país, semelhante apenas a si mesmo — como referiu Wordsworth —, e que é o mundo para todos nós.»
[Michael Wood, The New York Times Book Review]


Estes contos retratam a vida de homens e mulheres do Noroeste dos EUA — pessoas solitárias que gostam de beber, pescar e jogar às cartas para passar o tempo.
Raymond Carver, com a sua escrita sucinta e coloquial, aliada a uma percepção perspicaz do modo como as pessoas comunicam, fez com que esta colecção de contos se tornasse uma das mais influentes da moderna literatura.

«O mestre que deu forma ao moderno conto americano.»
[Daily Telegraph]

«A América de Raymond Carver é-nos pintada como um local de dor e sonhos quebrados. Mas não é tão frágil como aparenta. É um lugar de sobreviventes e de histórias… Carver fez o que a maioria dos escritores mais talentosos não conseguiu: criou o seu próprio país, semelhante apenas a si mesmo — como referiu Wordsworth —, e que é o mundo para todos nós.»
[Michael Wood, The New York Times Book Review]

REF: 1760156 Categoria: