Promoção!

OS LANÇA-CHAMAS

20.00  18.00 


Telma Costa
9789896414061
2014
368
15,3 x 23,3 cms
Capa Mole
538 gr

«Políticas radicais, arte de vanguarda e corridas de motos — todos estes elementos ganham vida no fulgurante romance de Rachel Kushner passado na década de 1970, quando uma jovem mulher se muda para Nova Iorque para se tornar artista, acabando por se envolver no movimento revolucionário de protesto que abalou a Itália nesses anos. Este romance (o segundo de Kushner) é feito de observações mordazes e frases cinzeladas que mostram como os indivíduos são arrastados por forças sociais impiedosas.»
[«The 10 Best Books of 2013», The New York Times]

«Cintilantemente vivo. Repleto de narrativas, humor, excelentes monólogos, momentos elevados, e aventuras extremas. Kushner nem por um momento deixa de nos contar uma história… O livro triunfou porque é composto de histórias vibrantes, únicas e intensamente vivas.»
[James Wood]

«O melhor, mais descarado e mais interessante livro do ano.»
[The New Yorker]

«Na ficção gostei de Os Lança-Chamas, de Rachel Kushner, pelo seu estilo e ousadia.»
[Colm Tóibín, The Observer]

«A visão de Kushner do radicalismo, arte e política na década de 1970 é uma leitura poderosa e absorvente.»
[The Financial Times]

Os Lança-Chamas foi finalista do National Book Award 2013.


«Políticas radicais, arte de vanguarda e corridas de motos — todos estes elementos ganham vida no fulgurante romance de Rachel Kushner passado na década de 1970, quando uma jovem mulher se muda para Nova Iorque para se tornar artista, acabando por se envolver no movimento revolucionário de protesto que abalou a Itália nesses anos. Este romance (o segundo de Kushner) é feito de observações mordazes e frases cinzeladas que mostram como os indivíduos são arrastados por forças sociais impiedosas.»
[«The 10 Best Books of 2013», The New York Times]

«Cintilantemente vivo. Repleto de narrativas, humor, excelentes monólogos, momentos elevados, e aventuras extremas. Kushner nem por um momento deixa de nos contar uma história… O livro triunfou porque é composto de histórias vibrantes, únicas e intensamente vivas.»
[James Wood]

«O melhor, mais descarado e mais interessante livro do ano.»
[The New Yorker]

«Na ficção gostei de Os Lança-Chamas, de Rachel Kushner, pelo seu estilo e ousadia.»
[Colm Tóibín, The Observer]

«A visão de Kushner do radicalismo, arte e política na década de 1970 é uma leitura poderosa e absorvente.»
[The Financial Times]

Os Lança-Chamas foi finalista do National Book Award 2013.

REF: 1760068 Categoria: